Páginas: [1]   Ir para o fundo
Imprimir
Autor Tópico: Comportamentos dos autocaravanistas  (Lida 921 vezes)
0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.
Carlos North
Visitante
« Responder #22 em: 12 Nov 2007, 20:05 »

Companheiro Paiser, caros companheiros,

Só tenho a agradecer as palavras favoráveis que me dirige e que julgo não ser merecedor.

O relato que nos conta é profundamente lamentável mas infelizmente possível nos dias de hoje e creio que gradualmente se tornará vulgar pelo caminho que as coisas levam.

Só tenho um comentário a fazer: aplicar na íntegra as sábias palavras escolhidas pelo nosso querido companheiro Transit 81 (peço desculpa pelo abuso ) que cita e aplica na sua assinatura:

"O mundo é um lugar perigoso de se viver, não por causa daqueles que fazem o mal, mas sim por causa daqueles que observam e deixam o mal acontecer".
A. Einstein


Como vemos nunca este pensamento esteve tão perto da verdade.

Então cabe-nos a nós intervir para tentar inverter ou minimizar esta tendência, é por isso que nos unimos e devemos remar para a frente defendendo a causa do Autocaravanismo no CPA e neste fórum.

Um abraço e fiquem bem
Carlos North



Registado
zebravo
Visitante
« Responder #21 em: 12 Nov 2007, 12:38 »

Companheiro Paiser,

Ora aí está! Falta de companheirismo é o que sinto muitas vezes. Daí o meu apelo: União dos autocaravanistas.
Com o tempo lá chegaremos!
Mas também encontramos por aí fora bons companheiros, prontos a ajudar o próximo, mesmo em situações complicadas...

Saudaçoes autocaravanistas.
Registado
paiser
Visitante
« Responder #20 em: 11 Nov 2007, 23:59 »

Companheiro North
Tenho seguido com interesse as sua intervenções aqui no forum porque parece-me ser uma pessoa sensata:não exegera,não se alonga e faz comentários muito a propósito.A respeito da sua última intervenção o que é que me diz ao facto de em determinado lugar estarem 10 ou 12 AC,S alinhadas e ás 4 da manhã o 1º fa fila,do lado donde vinham os meliantes,ser incomodado e apedrejado ao ponto de ter que sair da AC para se defender,e já era um companheiro "entradote",ninguém ter dado sinais de o querer ajudar?Claro que acabou por ir embora.Onde estão os adjectivos que muitas vezes emprega para classificar os autocavanistas?
Deixo este considerando não só a si mas a todos os nossos companheiros

Cumprimentos e vão devagar para gastar pouco

Ernesto Pais
Registado
Carlos North
Visitante
« Responder #19 em: 09 Nov 2007, 13:48 »

Caros companheiros (aqueles bons que partilham este fórum com esse sentido)

Neste tópico de "comportamento dos autocaravanistas" verifico que á semelhança de outros tópicos neste fórum se vai perdendo a elevação, respeito pelo próximo e ganham terreno algumas arranhadelas no verniz.

Para aqueles senhores que utilizam autocaravanas e não partilham o sentido do companheirismo, saibam que o autocaravanismo é uma actividade de lazer, este fórum trata desse tema, não é um lugar para picadelas e desabafos de mau feitio.
Não queremos que alguém em determinada federação -aqui criticada- se rebole a rir pelo caminho que as coisas levam neste fórum em determinados tópicos por uma minoria que felizmente não representam a maioria das opiniões.

Participo noutros fóruns ligados a outras temáticas onde se promove o companheirismo, amizade, convívio e abraçam causas nobres, coisas simples que unem e não nos dividem.

Reitero a minha solidariedade com a actual direcção e todos quantos promovem o autocaravanismo muitas vezes á custa do seu tempo e meios privados.


Um abraço

North
« Última modificação: 09 Nov 2007, 13:50 por North » Registado
zebravo
Visitante
« Responder #18 em: 09 Nov 2007, 13:04 »

Caríssimos,
A crise a que me referia, não era só esta situação neste tópico mas a outras deste fórum. Há muito "mal dizer" entre autocaravanistas e isso significa que afinal não somos uma "família".
Temos que contrariar essa situação. Mais união!
Saudações autocaravanistas.
« Última modificação: 09 Nov 2007, 17:36 por zebravo » Registado
Antonio
Visitante
« Responder #17 em: 09 Nov 2007, 10:41 »

Companheiros!
Isto é que vai aki uma crise!!!
Somos ou não companheiros???
Deixem-se de tretas!
Isto parece uma guerra de vizinhos!!!
Estou inscrito em vários foruns relacionados com o autocaravanismo,  maioritariamente estrangeiros e nunca vi disto. Só se lê material construtivo!
O melhor é acabar com o tratamento de "companheiros" entre os autocaravanistas!
Mais união meus amigos, mais união!
Saudações autocaravanistas


Carissimo Zebravo
SE nunca viu disso noutros foruns, só pode ser por 3 situações:
1ª- Não levantam falsos testemunhos ás pessoas e não há situações dessas.
2ª - Se o fazem e não há situações dessas é porque são culpados e entam consentem.
3ª- Se o fazem e nada dissem e se não são culpados, lamentavelmente será entam um local de muita falta de Honra.

Porque Sr. Zebravo eu tenho Honra e muito me orgulho disso, foi educado a nunca prejudicar ninguém nem levantar calunias a ninguém, MAS SE ME TOCA E SEM RAZÃO (quando têm razão sou o primeiro a pedir desculpas e a acarretar com todas as consequencias sem refilar) ATÉ OS PELOS DO CÚ ARRANCO E NADA ME METE MEDO.

 Agora haver outra com a mesma matricula, agradecia as fotos pois acho muito estranho mas não impossivel. (logo outra AC???)
« Última modificação: 09 Nov 2007, 10:43 por Antonio » Registado
msilva
Membro de Mérito
****
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 257

: Ago, 2006


Visitante Nº 1053


« Responder #16 em: 09 Nov 2007, 00:12 »

Caro companheiro Zebravo:
Não se tratam de tretas mas sim de comportamentos de autocaravanistas que não são de todo próprios e neste caso o caso é bem mais grave.
Boa Noite
MSilva
Registado

Mário Silva
Loures
msilva
Membro de Mérito
****
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 257

: Ago, 2006


Visitante Nº 1053


« Responder #15 em: 09 Nov 2007, 00:04 »

Companheiro António:
Em primeiro lugar as minhas desculpas mas desde ja o informo que há uma autocaravana que circula com essa matrícula que não a sua. Das fotos que vi não se trata nem do mesmo carro nem das mesmas pessoas. Acabei de falar com um amigo cujo filho fotografou a autocaravana a fazer despejos e como já lá vão uns tempos não sei se ainda tem as fotos no telemóvel pois o fotógrafo já dormia, mas a matrícula eu mesmo havia assente e confirmei-a antes de enviar o post que enviei.
De qualquer das maneiras as minhas desculpa e como disse as matrículas identificam-nos e pelos vistos no seu caso alguém anda com colonadas.
Só espero que as fotos tiradas ainda estejam no telemóvel para que lhe consiga demonstrar o que lhe digo e que não pense ser uma desculpa esfarrapada, não só por si mas perante todo o fórum. Não sou de diz que disse ou falar pela boca de outros muito menos lavantar falsos testemunhos.
De qualquer das maneiras acho que deve informar-se do que pode ou deve fazer numa situação destas
Boas noites
MSilva
« Última modificação: 09 Nov 2007, 00:06 por msilva » Registado

Mário Silva
Loures
zebravo
Visitante
« Responder #14 em: 08 Nov 2007, 23:34 »

Companheiros!
Isto é que vai aki uma crise!!!
Somos ou não companheiros???
Deixem-se de tretas!
Isto parece uma guerra de vizinhos!!!
Estou inscrito em vários foruns relacionados com o autocaravanismo,  maioritariamente estrangeiros e nunca vi disto. Só se lê material construtivo!
O melhor é acabar com o tratamento de "companheiros" entre os autocaravanistas!
Mais união meus amigos, mais união!
Saudações autocaravanistas
Registado
Antonio
Visitante
« Responder #13 em: 08 Nov 2007, 21:25 »

Já aprendi, cá vão as outras.

è uma porra a mulher tem a mania agora de tirar fotos á Tartaruga.
Mas ainda bem, agora espero o seu esclarecimento sobre as suas afirmações
"Se essa avaria foi em S.Torpes; Sines... fica pela bodega que fez.
Aproveito para lhe lembrar de ler a cartilha.... e sendo sócio do CPA dignifica-la.


E não aceito desculpas esfarrapas. de como disseram, ouvi, os carros têm matricula qualquer um pode dizer que viu, nada disso coisas concretas Ok?
« Última modificação: 08 Nov 2007, 21:38 por Antonio » Registado
Antonio
Visitante
« Responder #12 em: 08 Nov 2007, 21:14 »

só consigo colocar uma foto de cada vez
Registado
Antonio
Visitante
« Responder #11 em: 08 Nov 2007, 21:03 »

Amigo MSilva
Já lhe respondi no Topico "seguro de Ac......."
Mas acho que aqui será mais apropriado o resto da resposta.
Seguem as fotos do meu  fim de semana em S. Tropes, e depois gostava que o Sr. esclarece-se as suas afirmações.
Verá onde estacionei em Porto Covo e as outras que lá estavam ( na esplanada)
depois onde fiquei a dormir em S. Tropes ( sombra atrás é do espanhol) eram 8 e picos da manhã ( só se alguém não gostou da minha cara de sono, tinha dormido pouco)
Depois as outras na praia do norte, ( não é S. tropes de certeza pois ali não ando nú)
Registado
Antonio
Visitante
« Responder #10 em: 08 Nov 2007, 20:42 »

Companheiro António
Não entrando em muitos detalhes referia-ma a um fim-de-semana em S. Torpes, Costa alentejana em que no domingo ao fim da tarde antes da saida toma uma atitude nada correcta em que foi chamado á atenção por um autocaravanista pelo que fazia. Indignado pela observação fechou a A/C e partiu.
Boas noites
MSilva

Uma das coisas que nos identificão são as matriculas

Agradecia que entra-se em detalhes, pois nada do que diz ocorreu comigo.
Fui uma vez com a AC a S. Tropes (unica verdade naquilo que diz) foi sabado dia 22 de Setembro de 2007, cheguei pelas 13h estacionei em Porto Covo no parque junto á falesia (havia lá mais 3 ou 4 Ac com cadeiras á porta) mas estacionei longe deles e foi para a pesca, foi almoçar perto das 15 h e nem janelas abri porque estava vento e voltei para a pesca.
Como a pesca não dava nada foi para S. Tropes e estacionei ante rotunda antes dos restaurantes ( junto ao fim da praia, na berma que é muito larga e estava lá 2 Pik Ups nada mais) e lá foi para a pesca de novo, foi jantar na AC pelas 23 h +- e voltei para a pesca até ás 3h, depois foi dormir e quando cheguei á AC estava já lá estacionada uma mercedes Vito espanhola com alguém a dormir.
Acordei ás 8h tomei o pequeno almoço e saí dali para a praia do Norte ( junto á ETAR em Rio de Moinhos) e ali não há ninguém ( e duvido que alguma AC lá tenha estado pois aquilo é pior que caminho de cabras com arbustos sempre a raspar) ( posso até colocar as fotos da pesca para ver a hora mas estou nú pois não havia mais ninguém na praia em 2km para cada lado)
Foi-me embora por volta das 16H e só parei em Troia para ir no barco.
Se quiser saber o resto da viagem até casa também relato ( tenho uma memória terrivel).

Por isso amigo MSilva , no domingo ao fim da tarde estava em Troia,esclareça bem o assunto, pois comigo nunca ninguém falou.
Registado
msilva
Membro de Mérito
****
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 257

: Ago, 2006


Visitante Nº 1053


« Responder #9 em: 07 Nov 2007, 23:25 »

Companheiro António
Não entrando em muitos detalhes referia-ma a um fim-de-semana em S. Torpes, Costa alentejana em que no domingo ao fim da tarde antes da saida toma uma atitude nada correcta em que foi chamado á atenção por um autocaravanista pelo que fazia. Indignado pela observação fechou a A/C e partiu.
Boas noites
MSilva

Uma das coisas que nos identificão são as matriculas
« Última modificação: 07 Nov 2007, 23:26 por msilva » Registado

Mário Silva
Loures
Antonio
Visitante
« Responder #8 em: 07 Nov 2007, 19:39 »

Companheiro Antonio:
Se essa avaria foi em S.Torpes; Sines... fica pela bodega que fez.
Aproveito para lhe lembrar de ler a cartilha.... e sendo sócio do CPA dignifica-la. Nada tem a ver com seguros mas é um alerta. Para bom entendedor meia frase basta.
Msilva

Amigo Msilva
A avaria foi no Porto como está relatada no post anterior.
Agora o resto não consigo perceber o que quer dizer.
Agradecia que explica-se se possivel.
Registado
msilva
Membro de Mérito
****
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 257

: Ago, 2006


Visitante Nº 1053


« Responder #7 em: 06 Nov 2007, 00:49 »

Companheiro Antonio:
Se essa avaria foi em S.Torpes; Sines... fica pela bodega que fez.
Aproveito para lhe lembrar de ler a cartilha.... e sendo sócio do CPA dignifica-la. Nada tem a ver com seguros mas é um alerta. Para bom entendedor meia frase basta.
Msilva
Registado

Mário Silva
Loures
Decarvalho
Visitante
« Responder #6 em: 26 Out 2007, 08:07 »

Alo Companheiros autocaravanistas

A Cartilha, as regras de ouro do autocaravanista não se reconduzem  afinal a uma mera (mas importantissima) questão de...

- educação?
- de moral ?
- de ética ?
- de bom senso e de bom gosto ?


Aqui vai mais uma achega com curtas traduções (livres) do francês...


« Última modificação: 26 Out 2007, 08:09 por Decarvalho » Registado
Matias
Visitante
« Responder #5 em: 10 Abr 2007, 13:06 »

O Amigo Tapada tem razão
                   
A PSP e a GNR estão entre a espada,e a parede e so actuam em caso extremo vejamos o que aconteceu nesta sexta-feira santa na Ericeira no Largo da Capela em S.Sebastião onde esta colocado um sinal de proibição de parqueamento .  Lá estavam indevidamente estacionadas 6 AC quando a GNR se aproximou do local e informou os proprietarios das mesmas que não podiam ali estacionar por ser proibido pelo que tinham que sair . de emediato 5 levantaram ferro e um ficou a trocar despique não obedecendo á ordem da GNR , resultado foi multado .
No dia seguinte , sábado, algumas pessoas comentavam o sucedido , aumentando mais uns pósinhos, em relação ao caso, dizendo que os ACs
foram corridos e multados  e que era bem feito pois quem quer lugar marcado junto ao mar tem que pagar muito caro.
Na verdade basta um de nós cometer um erro para todos pagarmos pela mesma bitola, e por isso o amigo Tapada tem razão se não houver rapidamente regulamentação sobre estes e outros casos  estamos feitos, ouentão como diz temos que passar a ditar as regras e a fazer de policias.
Cumprimentos

Matias 
« Última modificação: 11 Abr 2007, 13:36 por Matias » Registado
Decarvalho
Visitante
« Responder #4 em: 01 Abr 2007, 12:12 »

Alo ACs...
O amigo Tapada tem inteira razão e o Governo Frances concorda...

Assim é que é...
em curta tradução:
 em França sera publicado um decreto-lei que permite redução de 50% das portagens em auto estrada aos autocaravanistas que transportem gratuitamente a boleia e por percursos superiores a 200km, ate dois passageiros...O controle sera feito atraves de talões especiais de controle...
Ver nota final depois do texto em frances...


Le Ministère des Transports, en collaboration avec le Secrétariat de la
Solidarité Nationale prépare un texte de loi visant à inciter les
camping-caristes à pratiquer le co-voiturage.

En clair, tout camping-cariste qui prendrait en charge de 2 à 4 passagers
sur un long trajet, sur plus de 200 kms, se verrait appliquer une réduction
des frais de péage de près de 50%. En contrepartie, les camping-caristes ne
devront réclamer aucun frais aux personnes transportées.

Les décrets d'applications seront édités vers le 14 juin 2007. Cette mesure
a pour buts:
- aider à la réduction de la facture énergétique en transportant plus de
personnes par voie routière, ce sans encombrer davantage le réseau routier,
- permettre aux personnes peu argentées de disposer d'un moyen de transport
économique.

En pratique, dès la mise en place de cette mesure, les postes de péages
seront équipés de mini salles d'attentes où les candidats voyageurs
attendront leur prise en charge par les camping-caristes. Parrallèlement,
des notes d'information seront distribués aux camping-caristes leur
expliquant l'avantage qu'ils auront à transporter des passagers. Chaque
passager sera muni d'un bon de transport qui devra être visé au poste de
péage par le transporteur pour lui permettre de bénéficier de la réduction
de péage. Le bon de transport comporte le cachet de la "gare routière" de
départ, permettant ainsi de vérifier la distance de prise en charge des
passagers.

Le gouvernement compte sur l'esprit de solidarité qui anime la communauté
des camping-caristes pour garantir le succès de cette opération.

claro que a noticia tem origem francesa..e claro que em França tambem se comemora e assinala o 1º de abril, dia das mentiras com os chamados poisson d´avril...
« Última modificação: 01 Abr 2007, 12:15 por Decarvalho » Registado
tapada
Visitante
« Responder #3 em: 01 Abr 2007, 10:54 »

Quanto às autoridades policias (PSP e GNR), estão "entre a espada e a parede". Por um lado encontram muito pouco apoio legal para actuar em relação às autocaravanas. Têm o Código da Estrada e legislação complementar, que pouco define de concreto em relação àquelas. São veículos, ainda considerados de mercadorias, sujeitos a impostos e seguro obrigatório. Por outro lado, podem viver pessoas lá dentro, o que desde logo põe em causa o direito de inviolabilidade da habitação, o aspecto sanitário, a ocupação de espaço público, etc. As autocaravanas começaram a aparecer em força após estar tudo definido em termos de veículos. São uma coisa nova. Isso não aconteceu com as caravanas por aquelas são reboques, fácilmente enquadraveis e muito mais próximas do campismo, pelo que quase tudo se encontrava definido em relação a elas. Há um grande vazio legal (e inclusivamente de conceitos e definições) no que diz respeito às autocaravanas e ao autocaravanismo. O que existe são "buchas" metidas à pressa na legislação para evitar o vazio total.
Por outro lado as autoridades policias têm de "colaborar" (se calhar é mais "obedecer") àquilo que os senhores do poder local querem. Estes, nem sempre muito capazes ou informados, procuram qualquer coisa entre o bem estar das polpulações, os desejos e queixas das mesmas e mais um ou dois mandatos. Por outro lado, alguns pretendem mostrar "poder". Assim, "vomitam" normas e preceitos que em grande parte vão contra a Lei nacional e o bom senso comum. Inventam coimas de valor diferente do estipulado na lei geral, inventam sinais de trânsito, etc., etc.
Por outro lado temos os autocaravanistas, que as referidas autoridades não conseguem definir. Porquê? Porque encontram veículos fechados, silenciosos, que em nada prejudicam a ordem, a segurança ou a tranquilidade públicas. Por outro encontram despejos de água suja na via pública, cadeiras, mesas e toldos, janelas abertas para o exterior, música alta, geradores, etc. Como é normal na mentalidade nacional, julguemos o todo pela parte e temos Autocaravanista = Transgressor.
Assim, como se costuma dizer em relação ao povo, cada autocaravanista tem a polícia que merece.
Neste forum fala-se de tudo e de mais alguma coisa. Do que se sabe e do que não se sabe. Travam-se combates quase pessoais. Faz-se publicidade. Discutem-se princípios importantes, mas também "o sexo dos anjos". Mas, pior que tudo, não se avança. Continuam-se atitudes pontuais em vez de se procurar definições gerais.
É preciso gastar o tempo a construir. E construir, neste momento, é fazer chegar a quem de direito (e para isso até temos ex-deputados no nosso seio), não reinvindicações mas sim propostas de regulamentação nacionais, com regras bem definidas sobre as autocarvanas, o autocaravnismo, os autocaravanistas, seus direitos e deveres, tendo em conta normas nacionais que não podem ser ultrapassadas por defenderem interesses gerais.
É isso que é preciso. Apoiem-se em legislação de outros países, não esquecendo nunca que estamos em Portugal. Com uma ideia aqui e outra ali, o conjunto de pessoas que aqui vão deixando ideias válidas, vai-se contruindo, PARA FICAR, aquilo de que realmente precisamos. REGRAS. E se for preciso começamos nós próprios desde já a cumpri-las e a FAZÊ-LAS CUMPRIR.
Registado
Raul Lopes
Visitante
« Responder #2 em: 01 Abr 2007, 00:02 »

Receio bem que o companheiro Tapada tenha razão.
Mais do que uma questão de propriedade de autocaravana, o problema parece ser o ter ou não ter boa formação cívica.
Neste particular a intervenção das várias autoridades raramente se pauta pela exemplaridade pedagógica, o que só contribui para agravar o problema.
Registado
tapada
Visitante
« Responder #1 em: 30 Mar 2007, 21:42 »

Bom dia
Poderá acontecer algumas vezes como diz.
Mas, infelizmente, na maior parte dos casos, são os proprietários.
Percebe-se muito bem quais são as de aluguer, visto trazerem publicidade mais ou menos vistosa.
Os autocaravanistas "de aluguer" não trazem mesa e cadeiras, grelhador e outros apetrechos próprios de "abusador".
Registado
jgomes
Sócio do CPA
Membro de Mérito
***
Offline Offline

Sexo: Masculino
Mensagens: 90

: Jan, 2007

Sócio Nº 1238


« em: 30 Mar 2007, 09:10 »

Bom dia companheiros.
Não quero ser intrometido, só contribuir para o enriquecimento deste Forum.
Muito se tem falado e continua a falar do comportamento dos autocaravanistas. Deixo aqui uma pergunta: Será que esses autocaravanistas de que tanto se fala, devido ao seu comportamento, não serão os autocaravanistas de ocasião, que aproveitando uns dias de lazer, alugam uma autocaravana para passear, sem saberem o que podem fazer e como se comportarem quando estacionados? Será que as firmas de aluguer de autocaravanas os elucidam sobre as melhores maneiras de utilizarem as viaturas? Eu, pessoalmente, penso que o dono de uma autocaravana, não toma as atitudes de que tanto se fala.
Cordiais saudações para todos.
JGomes
Registado

João Gomes
Odivelas
Páginas: [1]   Ir para o topo
Imprimir
 
Ir para: