Forum Autocaravanismo-CPA

AUTOCARAVANISMO => O AUTOCARAVANISMO => Tópico iniciado por: Paulo Moz Barbosa em 30 Abr 2019, 21:31



Título: Ass. de Freguesias do Parque Natural do Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina
Enviado por: Paulo Moz Barbosa em 30 Abr 2019, 21:31
No jornal ALGARVE PRIMEIRO é feita uma denúncia sobre o campismo selvagem que tem vindo a preocupar os autarcas locais.
Estando de acordo com o essencial da notícia, que pode ser lida AQUI (https://www.algarveprimeiro.com/d/associacao-de-freguesias-do-parque-natural-do-sudoeste-alentejano-e-costa-vicentina-quer-regras-apertadas-para-combater-caravanismo-selvagem/26434-1?fb_action_ids=10205848233201309&fb_action_types=og.comments&fbclid=IwAR114pYrelrzRmEymY67-jZGh4ODpozpLgAeuRVI6LYUBWe94d83GcqMyGU), enviei para o jornal o seguinte comentário:

Algumas conclusões podem ser retiradas da leitura desta notícia:
1.   Não é criando proibições disparatadas que se resolvem os problemas relacionados com a falta de civismo.
2.   Quem prevarica deve ser autuado na hora. Por que estão as autoridades paradas nestas situações atentatórias ao bom nome do verdadeiro turismo itinerante e andam a perseguir autocaravanistas responsáveis que se encontram devidamente estacionados?
3.   A Associação de Parques de Campismo do Alentejo e Algarve o que pretende é que seja pura e simplesmente proibido pernoitar fora dos seus parques, isto é, pretendem resolver um problema de tesouraria à custa do Estado ao invés de se apetrecharem para receber condignamente os autocaravanistas praticando preços justos equiparados aos seus congéneres europeus.

Conclusão: que as autoridades façam cumprir o estipulado pelo Código da Estrada e que sejam criadas as condições para que os turistas em autocaravana possam percorrer o nosso país e estes problemas ficam resolvidos.


Um abraço,