Áreas de Serviço

ASA de Ponte de Sor

Pinterest LinkedIn Tumblr

Quando há dois anos esta ASA foi inaugurada com pompa e circunstância, com a presença da Sra. Secretária de Estado do Turismo, o CPA teve o cuidado de chamar a atenção para a não operacionalodade do sistema de controlo de entrada: ser necessária uma deslocação ao Posto de Turismo local para levantar a chave do portão. Tal só era possível durante o horário laboral dos seus colaboradores, o que impossibilitava a sua utilização aos fins de semana, feriados e horários ao fim do dia.

Não fomos ouvidos e esta ASA, que custou  mais de uma centena de milhar de euros, esteve sempre às moscas durantes estes dois anos.

Agora, tendo sido introduzido o controlo inventado pela parceria Turismo de Portugal/FCMP, fácil será perceber que vai continuar sem qualquer utilidade para o turismo itinerante.

Já o dissemos em relação à ASA da Vagueira, também ela com este brilhante sistema de controlo. Idem para as de Chãos, Terena, Vila Viçosa e todas as que estão sob a alçada da referida parceria.

E é tão fácil descomplicar: basta ir a Espanha e ver como com uma simples cancela tudo se resolve: a matrícula da autocaravana é lida, paga-se a estada e à saída o leitor reconhece a matrícula e … boa viagem.

O CPA apresentou esta solução desde a primeira hora, mas ao dar-se primazia a quem tudo tem feito para aniquilar o turismo itinerante em Portugal, o resultado está à vista: vários milhares de euros desperdiçados em favor de coisa nenhuma.

Mas o tempo é bom conselheiro e o dia virá em que o Turismo de Portugal acordará para a realidade e passará a ouvir os autocaravanistas e seus legítimos representantes.

0 0 votos
Avaliação (restrito a Associados)
Subscrever alertas
Notificação para
guest
0 Comentários
Feedbacks intercalados
Ver todos os comentários
0
Dê-nos a sua opinião. Por favor, comentex
()
x
Ir para Topo